Os delegados de Farroupilha-RS  que participaram na 7ªCESRS – Conferência Estadual de Saúde do RS foram Ana Clarisse Ceccatto, José Carlos Consorti, Rejane Calloni e Roque JR.

Por três dias (18 a 20 em curso) a capital gaúcha foi palco de amplo e democrático debate entre os três segmentos (usuários, trabalhadores na saúde e gestores) das 10 macros regionais no RS, com a possibilidade de 2832 delegados, dos 497 municípios, mas não chegou efetivar 2000 mil delegados na conferência estadual. Na sexta-feira e no domingo no Araújo Viana, e no sábado em algumas escolas de Porto Alegre-RS, a delegação de Farroupilha-RS centrou seu debate em quatro grupos na escola Júlio de Castilhos(Julinho). Houve palestras de Célia Chaves; Conceição Resende, Maria Valéria Correa, Cláudio Augustin, João Gabbardo dos Reis (Secretário Estadual de Saúde), Adriano Massuda. Transmitindo detalhes para “dar luz” aos debates do sábado. No domingo votaram 20 prioridades por delegado (a).

As propostas nos oito eixos, com mais de 200 propostas, que na sistematização, após o debate em grupos, foi levado à votação dos delegados e eleitas cinco por eixo, totalizando 40 para 15ªCNS - Conferência Nacional de Saúde.

É importante o destaque das seguintes supressões:  2011 (Ampliar o número de leitos psiquiátricos) que foi suprida em 39 dos 58 grupos; 2041 (participação do capital estrangeiro na assistência do Brasil) 56 dos 58 grupos; “adesão ao plano de saúde para os profissionais) 55/58; “Parcerias público-privadas na saúde para garantir a ampliação de serviços” 52/58.

Entre as provadas à 15ªCNS: 2025, com a seguinte redação “Efetivar a Reforma Psiquiátrica (Lei nº 10.216/2001 e Lei nº 9716/92) com ampliação e fortalecimento da rede de atenção psicossocial priorizando os dispositivos de cuidado vinculados a Atenção Básica (oficinas terapêuticas e grupos de convivência) garantindo ainda o confinanciamento tripartite para os Centros de Atenção Psicossocial);  e 5036: “Manter o sistema atual de rateio dos royalties da extração do petróleo do pré-sal com 25% destinados à Saúde.

Do total de 140 do RS, 16 delegados da macrorregião Serra, sendo que oito usuários, dentre esses, um de Farroupilha para etapa nacional. A escolha no segmento usuário da Serra foi consensual, sem eleição. Teve também de Farroupilha-RS suplente, no segmento gestor.

Trecho da carta aos delegados à 15ªCNS: “entendemos que o espaço da Conferência Nacional de Saúde, não só é oportuno como é o fórum legítimo para debater e acolher as demandas do SUS, que, transformadas em propostas, comporão a carta maior das reivindicações da sociedade civil para o aprimoramento do SUS”.

Cita o eixo um, do direito à saúde, garantia de acesso e atenção de qualidade. Com a finalidade de promover o aperfeiçoamento e a instrumentalização da gestão. Verificando a eficiência, eficácia, efetividade e economicidade das políticas públicas de saúde.

Mantemos a proporcionalidade, dois usuários da AFFUSME, 50% dos delegados locais na etapa estadual. Necessário citar que a participação da AFFUSME, desde os preparativos internos, pré-conferência municipal, e mesmo na conferência municipal teve intensa participação, e com menos de um ano de existência estará na maior esfera que ocorre bianual que é a Conferência Nacional de Saúde.

Acompanhe mais detalhes no www.ces.rs.gov.br/inicial

Sobre o autor Roque JR

Roque JR é graduando em Sociologia e História na UCS, ambos os cursos mais de 50% das disciplinas cursadas. Fotógrafo há quase três décadas. Lançou sua primeira obra literária em 1999. Editor e historiador, já publicou 18 obras literárias. Foi fundador do CASFF, da UFES, do LEO Clube Farroupilha Imigrante, militante em várias áreas em especial no meio estudantil entre 1987-2014. Atualmente dedica-se a Literatura; à Luta antimanicomial, Saúde Mental e Saúde Pública.

Visitar site do autor

Lista de Artigos de Roque JR